DENÚNCIANOTÍCIAS

Servidora denuncia esquema de “rachadinha” no Tribunal de Contas do Estado do Pará

Em um documento divulgado nesta terça-feira, 27, uma servidora com cargo comissionado (DAS), no Tribunal de Contas do Estado do Pará (TCE-PA), denuncia em ofício ao então presidente daquela casa, Luís da Cunha Teixeira, no ano de 2016, um esquema conhecido como “rachadinha”, isto é, a pessoa é obrigada a dividir o que ganha com outra.

A servidora, que terá o nome preservado, na verdade, faz um pedido ao presidente do TCE-PA de que deixe de ter de receber o salário e tê-lo que dividir com a também servidora do TCE-PA, Mônica Bernadete Sampaio da Silva, que a indicou ao cargo.

Documento que mostra o esquema de “rachadinha” no TCE-PA

A denunciante diz que foi indicada ao cargo por Mônica, na condição de que ficasse compromissada a “repassar mensalmente METADE DE MEU VENCIMENTO à servidora em questão [Mônica], inclusive ABONOS, 13o. SALÁRIO, e até mesmo 1/3 de FÉRIAS”.

No documento, a denunciante pede ao presidente que a mantenha no cargo, mas que fique desobrigada a transferir à Mônica “metade do que ganho, pois acho isso uma verdadeira injustiça”.

O TCE-PA pretende aprovar um Projeto de Lei (PL) para aumentar a gratificação dos comissionados em 100% do vencimento base.

Dessa maneira, com aumento da gratificação dos comissionados, aumentará também o ganho dos concursados, como seria o caso de Mônica.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar