BelémxManausNOTÍCIASParáREGIONAL

“Guerra da fumaça” entre Pará e Amazonas ganha repercussão nacional

A Amazônia está novamente no centro de uma polêmica que transcende as fronteiras dos estados que a compõem. A segunda onda de fumaça que paira sobre Manaus e seus arredores em menos de dois meses tornou-se o estopim de uma disputa política entre os governadores do Amazonas, Wilson Lima, e do Pará, Helder Barbalho.

Em meio a intensa pressão e cobranças nas redes sociais, o governador Wilson Lima, do Amazonas, atribuiu publicamente a responsabilidade pelo problema ao estado vizinho, Pará, governado por Helder Barbalho, do MDB. O atrito entre os dois gestores ganhou destaque nacional após ser publicado pelo jornal O Globo, expondo as divergências e a falta de cooperação na abordagem conjunta dos desafios ambientais enfrentados pela região.

A situação ganha contornos ainda mais intrigantes com a presença de Helder Barbalho em Manaus esta semana, participando de um evento do Fórum de Governadores da Amazônia. Até o momento, ambos os governadores optaram pelo silêncio, não se pronunciando publicamente sobre o imbróglio e tampouco apresentando ações conjuntas para combater as queimadas que assolam a região.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar