CORONA VÍRUSDENÚNCIANOTÍCIAS

Gêmeas milionárias são nomeadas às pressas em UBS de Manaus (AM) e tomam vacina

As gêmeas milionárias de Manaus Gabrielle Kirk Lins e Isabelle Kirk Lins causaram polêmica na terça-feira, 19, após postarem no Instagram fotos tomando a vacina contra a Covid-19.

Da família de Nilton da Costa Lins Júnior, presidente da mantenedora da Universidade Nilton Lins, as médica Gabrielle Kirk Lins foi nomeada na véspera do início da vacinação, e Isabelle Kirk Lins no mesmo dia, na terça-feira, 19, em Manaus, capital do estado do Amazonas.

Logo após, circularam em grupos de WhatsApp de profissionais da Saúde imagens da vacinação das duas acompanhada da nomeação, no Diário Oficial de Manaus, de Gabrielle, no dia 18 de janeiro, um dia antes do início da vacinação, como gerente de projetos da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). A irmã dela foi nomeada no dia 19 de janeiro.

Nomeações da gêmeas ricas de Manaus

Gabrielle e Isabelle são da família de Nilton da Costa Lins Júnior, presidente da mantenedora da Universidade Nilton Lins, uma das maiores de Manaus. Além da Universidade, a família tem membros com carreira política. Dentro do terreno da Universidade Nilton Lins, há uma Unidade Básica de Saúde (UBS).

Nota da Prefeitura de Manaus:

Sobre o caso das médicas Gabrielle Kirk Lins e Isabele Kirk Lins, vacinadas no primeiro dia de imunização, nesta terça-feira, 19, a Prefeitura de Manaus alegou, em nota, que não há nenhuma irregularidade.

A nota esclareceu, ainda, que o baixo volume de doses de vacinas contra a Covid-19 repassado pelo governo do Estado à Prefeitura de Manaus – apenas 40.072 das 282 mil recebidas do Ministério da Saúde, na última segunda-feira, 18 -, o Executivo municipal precisou rever o plano de vacinação.

Do total de doses recebido, a Prefeitura reservou 12,2% delas para os profissionais da rede municipal, que estão atuando no enfrentamento à Covid-19.

Com a lista de prioridades da rede de saúde do Estado, a Semsa começou na quarta-feira, 20, a vacinação dos profissionais da saúde dos hospitais, prontos-socorros, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e Serviços de Pronto Atendimento (SPAs) escolhidos pelo governo.

Fonte: Amazonas em Tempo

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar