BELÉMENTRETENIMENTONOTÍCIAS

Confira as opções de lazer para curtir o Dia das Crianças, em Belém

Nesta terça-feira, 12, serão realizadas algumas programações especiais pelo Dia das Crianças, em Belém. No Jardim Zoobotânico Bosque Rodrigues Alves e do Parque Zoobotânico Mangal das Garças, que realizam exposições, contação de histórias, apresentação de animais exóticos e ações de educação ambiental.

Devido ao feriado de Nossa Senhora de Aparecida, também datado nesta terça, são esperadas mais de duas mil pessoas no Bosque Rodrigues Alves, que oferecerá diversas atividades direcionadas ao público infantil a partir de 9h e que seguem até às 16h.

Já no Mangal das Garças, a programação especial para celebrar com os pequeninos ocorre entre às 9h e 17h30. A equipe técnica do parque apresentará a mais nova atração: a coruja Ayra, uma coruja-do-mato recém chegada ao local após ser vítima de um acidente com motosserra, no qual perdeu uma das asas.

Programação do Bosque Rodrigues Alves
12 de outubro:
9h às 12h – Exposição de animais exóticos para educação ambiental e ação de educação ambiental com super-heróis e cosplays;
10h às 11h – Contação de história com Márcia Kambeba e plantio de mudas.

A programação no jardim se estenderá até o dia 17 de outubro. Nos dia 13 e 14 também haverá contação de histórias com Márcia Kambeba. Já nos dias 15 e 16 de outubro, será realizado o plantio de mudas. Para fechar a comemoração, no dia 17, ocorrerá uma exposição de animais exóticos.

A entrada no Bosque custa R$2, com direito a meia entrada para crianças de sete a 12 anos. Crianças até seis anos e idosos acima de 60 anos não pagam.

Por conta da pandemia da Covid-19, o Bosque terá entrada de público reduzida. Só será permitida a venda de dois mil ingressos no local. Após a venda total das entradas, os portões do espaço serão fechados.

Programação do Mangal das Garças
No Mangal das Garças, além do Momento EcoZoo, em que a coruja Arya será apresentada ao público, as crianças também podem participar da contação ‘Heróis da Amazônia’, que se divide em três histórias com perspectivas diferentes sobre alguns personagens do imaginário amazônico e é narrada por Kadu Santoro.

12 de outubro:
8h30 – Alimentação das Iguanas no caminho para o farol;
9h – Alimentação das Tartarugas e peixes no lago;
9h – Passeio com a coruja Arya;
11h, 15h e 17h30 – Alimentação das garças no Recanto da Curva;
10h e 16h – Soltura das borboletas no Borboletário;
16h30 – Apresentação das aves do Viveiro das Aningas;
17h – Passeio da coruja Olívia.

A programação é gratuita e irá ocorrer no entorno do Memorial Amazônico da Navegação. Para entrada e permanência no local é obrigatório o uso de máscara.

Com informações G1 Pará*

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar