BELÉMESPORTENOTÍCIAS

Belém foi sede oficial para o lançamento da Copa Verde 2021

Está tudo pronto para o início de mais uma edição da competição mais sustentável do país! Na noite desta terça-feira, 12, em Belém, a CBF realizou o lançamento oficial da Copa Verde 2021. O evento contou com a presença do Presidente interino da CBF, Ednaldo Rodrigues, e do Governador do Pará, Hélder Barbalho Filho.

A cerimônia aconteceu no restaurante do Mangal das Garças, em Belém, na véspera do início da competição. Além de Ednaldo Rodrigues e de Hélder Barbalho Filho, estiveram presentes o diretor de competições da CBF, Manoel Flores, o Presidente da Federação Paraense de Futebol, Adélcio Torres, e a secretária municipal de Esporte, Juventude e Lazer de Belém, Carolina Quemel, que representou o prefeito Edmilson Rodrigues. Os cinco compuseram o palco da abertura da Copa Verde.

A CBF ainda foi representada por seus vice-presidentes Antônio Aquino Lopes e Gustavo Feijó no evento, que contou com a presença de presidentes de clubes participantes da Copa Verde e de outras agremiações paraenses, assim como de autoridades locais.

Em entrevista ao site da CBF, o Presidente Ednaldo Rodrigues falou sobre a importância de valorizar o futebol da região amazônica e de realizar um evento como esse para marcar o início da Copa Verde.

“É uma região que merece todo o tratamento da CBF e de todos aqueles que buscam um futebol fortalecido a nível nacional. Hoje, com todos os clubes da competição, com os clubes do futebol do Pará, as ligas municipais, as federações envolvidas, a gente tem a alegria de ver uma festa muito organizada, de um lançamento de uma competição que doravante poderá render bons frutos aos clubes e federações”, afirmou Ednaldo.

Durante sua fala no lançamento oficial da Copa Verde, o Presidente da CBF anunciou as premiações para os clubes participantes da competição em 2021. Os valores totalizam 1,5 milhão de reais e incluem até mesmo carros oferecidos pela FIAT aos finalistas.

“A Copa Verde é uma competição em que a CBF tem investido. Na parte logística, tanto de transporte como hospedagem, e também em arbitragem. E, sabendo que é uma competição que vai trazer muito sucesso para o futebol brasileiro e receitas também, a CBF está investindo na premiação das equipes, desde a primeira fase até a fase final, com um valor total de 1,5 milhão”, ressaltou o Presidente da CBF.

Quanto mais verde, melhor

A Copa Verde é uma competição sem igual no futebol mundial, por se tratar de um torneio com foco específico em práticas sustentáveis e na preservação do meio ambiente. Desde sua criação, em 2014, a Copa Verde tem adotado medidas para incentivar a sustentabilidade e o respeito à natureza.

Concursos educacionais, troca de garrafas pet por ingressos e troféus vivos foram algumas das iniciativas implementadas pela CBF ao longo do tempo na competição. Governador do Pará, Helder Barbalho valorizou a oportunidade de construir uma sociedade mais sustentável através do futebol.

“Nós nos sentimos muito felizes de poder estar lançando a Copa Verde aqui em Belém, na capital do estado do Pará. A Copa Verde reúne clubes da nossa região, que é uma região que o mundo conclama a todos a preservar. E nada melhor do que o futebol para aproveitar e construir junto com a sociedade alternativas que possam fazer com que a preservação do meio ambiente, com a sustentabilidade, com as vocações das regiões, possam acontecer. O futebol tem essa capacidade. Por isso, festejo a iniciativa da CBF e que nós possamos fazer do Pará uma referência para o futebol brasileiro”, afirmou.

Pará, o anfitrião da cerimônia

A Copa Verde em 2021 terá a participação de 24 clubes. Na primeira fase, 16 deles se enfrentam em confrontos de ida e volta no mata-mata. Na fase seguinte, entram mais oito equipes, previamente classificadas. E dali em diante elas seguem em duelos eliminatórios até a decisão. A competição tem início nesta quarta-feira, com seis dos oitos jogos de ida da Primeira Fase da Copa Verde.

Anfitrião do lançamento oficial da Copa Verde, o Pará terá três clubes participantes no torneio: Castanhal, Paysandu e Remo. Em entrevista ao site da CBF, o Presidente da Federação Paraense de Futebol, Adélcio Torres, mostrou otimismo com a participação do trio na Copa Verde.

“Nós estamos recebendo esse lançamento com muita honra. Recebemos o Presidente da CBF e toda sua comitiva para esse lançamento da Copa Verde, que acontece pela segunda vez no Pará. Nós estamos com três clubes à altura para chegar à final da Copa Verde e nós só temos a agradecer. Ao Governo do Estado, ao Prefeito de Belém e à CBF, que é a organizadora do evento. A Federação Paraense só tem a agradecer a todos que fazem o futebol, no Brasil e no Pará”, disse.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar