BELÉMDENÚNCIANOTÍCIASO ED VOLTOU!

Enquanto Edmilson solta tartarugas, ruas de Belém são tomadas por buracos

Dificilmente você encontra alguma rua de Belém com asfalto “lisinho” e bem colocado, sem a presença de remendos ou ondulações. Vias assim em Belém são casos raros, quase em extinção.

Enquanto Edmilson Rodrigues solta tartarugas, porque parece que não existem obras municipais para mostrar, e sem o básico para fazer, Belém vai padecendo com suas ruas tomadas pela buraqueira. O prefeito simplesmente esqueceu de ser prefeito.

O sistema viária da cidade está envelhecido e ultrapassado. Uma olhadinha no site da Agência Belém nesses seis meses de gestão do prefeito Edmilson Rodrigues não há nenhuma notícia de asfaltamento de vias pela cidade. No twitter, a secretária de saneamento, Ivanise Gasparim, gaba-se postando imagens de remendo de asfaltos pelas ruas da cidade. Só isso.

Além da negligência do poder público municipal, a cidade sofre também com as obras de renovação da rede distribuidora de água tocada pela COSANPA. No entanto, sem planejamento e articulação com a prefeitura, os buracos deixados pela obra vão se multiplicando pelas ruas da cidade constituindo transtorno para população.

Com isso também vão surgindo notícias de veículos e pessoas que caem nesses buracos. Um transtorno que nem na idade média se encontrava. Só quem pode comemorar nesse cenário caótico são as oficinas mecânicas, que faturam consertando pneus estourados e suspensão.

Sofá utilizado para sinalizar buraco em via da Pedreira.

No final do mês passado um carro atolou em um buraco cheio de lama na Travessa Barão do Triunfo, entre a Avenida Pedro Miranda e Rua Antônio Everdosa, no bairro da Pedreira.

O motorista recebeu ajuda de populares para tirar o carro do atoleiro, mas teve um prejuízo grande. Segundo informações, a própria população teria ajudado a sinalizar o local após a queda do veículo.

Quem pensa que isso está restrito aos bairros da periferia, está enganado. O problema também acontece nos bairros ditos nobres.

Em abril deste ano um carro caiu em uma cratera aberta na travessa Benjamin Constant, esquina com a avenida Gentil Bittencourt, no bairro de Nazaré.

Em maio, um ônibus da linha Rio Guamá caiu em um buraco aberto na rua Manoel Barata, esquina com a travessa Padre Eutíquio, no Centro Comercial de Belém, uma verdadeira cratera ignorada pelos poderes públicos.

No bairro da Pedreira, uma cratera na esquina da Marquês de Herval com Lomas Valentina tem atormentado motoristas e ciclistas que passam diariamente por ali. Foi colocado um aterro meia boca, nem é preciso ser especialista que logo logo um novo buraco irá abrir devido ao alto tráfego de veículos no local.

Em Outeiro, a Rua 16 de Novembro, antiga Rua Tucumaeira é uma das principais vias que interliga os Bairros de São João e Água Boa, e também é uma das vias mais abandonadas pela gestão pública municipal que deixou pela metade a Operação Tapa-Buracos. A obra iniciada em 16 de junho fez o trecho entre a Rua Paulo Costa e a Rua das Mangueiras e deixou pela metade não concluindo até a Rua Manoel Barata. Para evitar acidentes moradores estão sinalizando os perímetros críticos com madeira.

Como diz aquele velho ditado: “Nada é tão ruim que não possa piorar”.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar